Logotipo Ache seu Curso

Baixe o livro com 80 experiências educacionais inovadoras

12 de Dezembro de 2016358

Editado pela Fundação Telefônica Vivo, livro gratuito reúne experiências de todo o mundo e questionam a escola tradicional

Ilustração do livro Viagem à Escola do Século XXI

Escolas sem lição de casa, sem disciplinas, lições ou horários fixos, e até mesmo com professores que são quase colegas de classe, mas com resultados excelentes, tudo isso o leitor vai encontrar no livro "Viagem à Escola do Século XXI", , escrito pelo psicólogo e pesquisador espanhol Alfredo Hernando Calvo, cuja proposta é reunir numa edição as propostas, os modelos de funcionamento e os resultados dos colégios mais inovadores do mundo.

Com um texto e uma diagramação bem dinâmicos, que lembram um guia de viagens, a obra mostra 80 casos que foram colhidos pelo autor ao longo de dois anos de pesquisas. Finlândia, Uruguai, Coréia do Sul, Japão, Itália, Brasil, Colômbia, Indonésia e muitos outros países aparecem com exemplos de projetos educacionais que quebram paradigmas e oferecem oportunidades para inovar e melhorar o aprendizado do ensino fundamental e médio.

A representante do Brasil na publicação é um conjunto de três colégios, as Escolas Lumiar, mantidas pela Fundação Ralston-Semler, e que substituiram as disciplinas convencionais pela realização de projetos (todo dia de aula os alunos precisam realizar projetos interativos e interdisciplinares). A escola foi apontada como uma das 12 mais inovadoras do mundo, de acordo com uma pesquisa conjunta entre a UNESCO, Stanford University e Microsoft.

Grande parte das instituições estudadas focam na questão tecnológica, como é o caso da Studio Schools (Reino Unido), que converteram o modelo de escola tradicional em estúdios profissionais de novas tecnologias, música, desenho, laboratórios, biologia, pesquisa, redação, física e química, organizando o currículo em torno da aprendizagem, com base em projetos. Ou como a rede New Tech Network (EUA), onde os alunos utilizam a tecnologia como meio para criar itinerários de aprendizagem personalizados com cada aluno, aumentando o grau de atenção e gerando projetos mais criativos, reais e vinculados com o futuro de seus estudantes.

A publicação sugere que o ensino tradicional, baseado apenas na transmissão de conhecimento do professor para os alunos, não contempla o conceito atual de educação, impactado principalmente pelo universo digital. Em suas viagens, Alfredo Calvo percebeu que o caminho está em proporcionar às novas gerações o aprendizado de forma colaborativa e o apoio ao desenvolvimento de suas competências e habilidades.

O lançamento do livro aconteceu no Seminário Sobre Inovação na Educação, promovido pela Fundação Telefônica Vivo em parceria com a Folha de São Paulo, em início de novembro, em São Paulo.

Baixe o livro clicando aqui.

(Com informações da Assessoria de Comunicação da Fundação Telefônica)

________________________________________

Receba nossas notícias uma vez por semana.
Curso novo no guia? Notícia nova? Receba informações só sobre o tema que lhe interessa.

COMPARTILHE A MATÉRIA

Deixe aqui seu comentário!

(seu e-mail não será exposto aos demais usuários)

Encontre o seu curso aqui